Quarta, 15 Outubro 2014

Mal-estar de jovens não altera vacinação contra HPV na Bahia

Mal-estar de jovens não altera vacinação contra HPV na Bahia

O calendário nacional de imunização contra o HPV (papiloma vírus humano) é mantido, apesar de três jovens do litoral paulista estarem internadas com suspeita de efeito colateral à vacina.

No mês de setembro, a capital baiana vai disponibilizar a segunda dose da vacinação para adolescentes entre 11 e 13 anos, em 78 unidades de saúde e escolas públicas e particulares.

A primeira fase da campanha, que foi realizada entre março e abril deste ano, beneficiou 48 mil jovens.